212 capítulos
  Título Autor Editora Formato Comprar item avulso Adicionar à Pasta
Medium 9788521629115

Capítulo 1 - O que é um verbo

PETERLE, Patricia; SANTURBANO, Andrea Grupo Gen PDF

CAPÍTULO

1

O que é um verbo

1.1 DEFINIÇÃO

O termo �verbo� deriva do latim verbum, que significa �palavra�. De fato, o verbo é a palavra por excelência: não é possível formular um enunciado com sentido completo sem usar este elemento. Toda a tradição judaico-cristã, escrita e oral, tem como origem o famoso incipit bíblico: �No início era o verbo� (João, 1:1).

O verbo é a parte principal de um discurso e varia de acordo com o sujeito. É o centro sintático da frase e pode expressar uma ação (verbos de ação) ou um estado (verbos predicativos).

Carlo beve una birra. (Carlo bebe uma cerveja.)

Carlo è malato.

(Carlo está doente.)

Se tirarmos os verbos beve e è, as orações acima perdem o significado.

Carlo una birra.

Carlo malato.

(Carlo uma cerveja.)

(Carlo doente.)

Como podemos perceber, a função que o verbo exerce na oração é aquela de fornecer notícias e informações acerca do sujeito. Dessa forma, o verbo deve, obrigatoriamente, concordar com o sujeito.

Ver todos os capítulos
Medium 9788521628590

Introduction

MARTINEZ, Ron Grupo Gen PDF

Introduction

It is with great pleasure that we introduce a whole new concept in language learning. Como Dizer

Tudo em Inglês is a real tool for expressing what you need to say or write in English. No matter your level of proficiency or purpose for using English, Como Dizer Tudo em Inglês will take your

English to a whole new level of effective communication. The book’s creators used their years of international language-learning and language-teaching experience to create what will undoubtedly be an irreplaceable tool for effective communication in English for years to come.

Como Dizer Tudo em Inglês takes as a basic principle that adults who need to use English have complex thoughts and ideas which they already effectively express in their own language – they simply do not know how to express all those thoughts and ideas in English. With only a very rudimentary knowledge of English, now they will. All a user of English will need to do now with Como Dizer Tudo em Inglês is to know what he wants to say in Portuguese and then find how to say it in English through thousands of easy-to-find expressions organized under hundreds of common social and professional situations.

Ver todos os capítulos
Medium 9788521628491

Lesson 35 - Chamadas telefônicas - Recebendo | Telephone calls - Receiving

MARTINEZ, Ron Grupo Gen PDF

LESSON

!#

Chamadas telefônicas � Recebendo

Telephone calls � Receiving

Dependendo do caso, outras lições deste livro que seriam úteis nesta seção são, por exemplo,

�Reencontrando� (na página 8), �Terminando uma conversa� (na página 58), �Novidades�

(na página 60) e �Surpresa e o previsível� (na página 64).

LISTEN AND REPEAT

(Faixa 23 no CD 2)

Escute e repita as seguintes frases em inglês.

É ele/ela.

Oi (Pedro).

Que bom que você ligou.

Recebi seu recado, obrigado.

Estava esperando sua ligação.

[A minha secretária] disse que você ligou.

Me aguarda um segundinho? Eu tenho que...

Só um segundo. Tem alguém na outra linha.

Me desculpe, caiu a linha.

Essa ligação está péssima.

Eu estou ouvindo você muito mal.

Posso ligar para você de volta? (Eu tenho que...)

Bom, então...

Infelizmente eu vou ter que desligar.

Gostei de falar com você.

Eu tenho seu telefone?

Ver todos os capítulos
Medium 9788521628613

Apêndices

MARTINEZ, Ron Grupo Gen PDF

Apêndice 1

Appendix 1

Trabalhos

Jobs

Administrador de Rede

Network Administrator

Advogado Júnior

Junior Attorney

Advogado Sênior

Senior Attorney

Ajudante de Produção

Production Assistant

Analista Contábil Sênior

Senior Accounting Analyst

Analista de Crédito

Credit Analist

Analista de Crédito Júnior

Junior Credit Analyst

Analista de Crédito Sênior

Senior Credit Analyst

Analista de Custos

Cost Analyst

Analista de Investimentos

Investment Analyst

Analista de Laboratório

Laboratory Analyst

Analista de Mercado

Market Analyst

Analista de Orçamentos

Budget Analyst

Analista de Organização

Organizational Analyst

Analista de Recursos Humanos

Júnior

Junior Human Resources Analyst

Analista de Recursos Humanos

Sênior

Senior Human Resources Analyst

Analista de Sistemas Júnior

Ver todos os capítulos
Medium 9788521633983

Aula 35 - Pronúncia: formas fortes e fracas

DAVIES, Ben Parry Grupo Gen PDF

AUL A

35

Pronúncia: formas fortes e fracas

Como vimos na Aula 33, determinada parte de uma palavra pode ter mais ênfase; porém, em inglês, a diferença está no fato de poder acontecer uma mudança significativa quanto à pronúncia nas partes de palavras ou frases que não têm ênfase, as chamadas “formas fracas”.

Na maioria dos casos o som produzido por essa mudança de pronúncia é o mesmo:

/ə/ o som de vogal mais comum na língua inglesa. O som mais parecido em português é /ã/ (apesar de ser um pouco mais nasal que /ə/), quando a boca está completamente relaxada, como: pizza, America, Police. Estas formas fracas que produzem o som de /ə/ podem acontecer em:

›› Palavras

soltas: no começo, no meio ou no final da palavra. Escute: about, again, ago, apartment, together, forget, exercise, yesterday, information, Saturday, opposite, banana.

››

Combinações de palavras: em conversas naturais, geralmente as palavras que contêm as principais informações (verbos, substantivos, adjetivos/advérbios) possuem mais ênfase na frase, enquanto as outras palavras (auxiliares, preposições, pronomes, artigos e conjunções) têm menos ênfase, ou seja, são “formas fracas” que muitas vezes mudam a pronúncia para o som de /ə/. Para entender melhor, imagine que você quer mandar a seguinte mensagem para um amigo:

Ver todos os capítulos
Medium 9788521628538

ACRESCENTANDO E MODIFICANDO O SENTIDO COM OUTROS VERBOS E ESTRUTURAS

SCHUMACHER, Cristina Grupo Gen PDF

ACRESCENTANDO

E MODIFICANDO

O SENTIDO

COM OUTROS VERBOS

E ESTRUTURAS

Book Gramatica 1 10 2010.indb 97

11/9/10 4:55 PM

Book Gramatica 1 10 2010.indb 98

11/9/10 4:55 PM

Commom Verbs Followed by “to”

Verbos comuns seguidos de to

Plan to – Like to – Need to – Want to

Planejar – Gostar – Precisar – Querer

I plan to take a prep course for my college entrance exam.

I don’t like to schedule lunch meetings.

We want to go on vacation over the winter break.

Do I need to give you a call before I stop by your house tonight?

Eu pretendo fazer um curso preparatório para meu exame de entrada na faculdade.

Eu não gosto de marcar reuniões na hora do almoço.

Nós queremos sair de férias durante o recesso de inverno.

Eu preciso ligar para você antes de passar na sua casa hoje à noite?

�� �Os verbos plan, like, need e want são seguidos de to + o verbo.

�� �Para evitar repetição ou para efeito de concisão, to pode ser usado sozinho no final de frase: Turn the TV off if you want to (turn it off); A: You don’t have to stay here with me while I fix this. B: I want to (stay here with you while you fix this). I might learn a thing or two.

Ver todos os capítulos
Medium 9788521633983

Aula 15 - Formas interrogativas

DAVIES, Ben Parry Grupo Gen PDF

AUL A

Formas interrogativas

15

  exercício 1.    Revisão de tempos verbais. Escreva uma pergunta para combinar com cada resposta à direita:

1. What

2. Where

3. How

4. Would

5. How

6. Who

7. Where

8. When

9. How

10. What

?

?

?

?

? to?

?

?

?

?

I’m watching a movie.

They went to the cinema.

He’s got 2 cars.

Yes, I’d like a beer please.

Three times a week.

I was speaking to my mum.

They’re in the cupboard.

We’re leaving next week.

She stayed for 2 weeks.

I like reggae and soul.

Escute as perguntas e respostas para conferir e repetir. Faça rapidamente uma lista das perguntas com os tempos verbais diferentes e escreva pelo menos mais três exemplos de cada, revendo as Aulas 2, 3 e 10, se necessário.

  exercício 2.    Perguntas indiretas. Compare as perguntas “A” e “B” e anote a forma e a posição dos verbos sublinhados; por que eles são diferentes; e quando

Ver todos os capítulos
Medium 9788521628613

1 - Introdução

MARTINEZ, Ron Grupo Gen PDF

Introdução

Sua chave de comunicação no mundo

Inglês, como já se sabe, é a ferramenta de comunicação mais usada pelo mundo. Por isso se fala que a língua não pertence mais aos ingleses, nem aos americanos, nem aos australianos. Inglês é do mundo.

Este guia, portanto, apesar de enfatizar elementos culturais de países anglo-saxônicos, é destinado a pessoas que não somente querem falar inglês em Londres, Nova York e Sidney, mas também àqueles que forem a Munique, Tóquio e Amsterdã.

Como entender tudo em inglês

Um dos aspectos que talvez torne este livro um pouco diferente dos seus antecessores (na série Como dizer tudo) é o fato de que, quando se viaja de férias a um lugar, geralmente se mistura menos com os nativos do que, por exemplo, durante uma viagem de negócios ou um programa de intercâmbio. Por isso, um dos grandes objetivos deste livro é conseguir que o leitor entenda as coisas ao seu redor, mais até do que conversar. Por exemplo, uma família que vai à Disney, em Orlando, vai falar em inglês, basicamente, na hora de entrar no país (alfândega), apanhar um táxi ou outro tipo de transfer, fazer o check-in no hotel, interagir com os atendentes em lojas e restaurantes e na hora de comprar ingressos. Consciente disso, este livro conta com glossários extensivos para poder entender mais do que falar. Com este livro em mãos, pode-se preencher os documentos de imigração em um país em inglês, usufruir das instalações dos hotéis e decifrar qualquer cardápio em inglês. É claro que, sem dúvida, as mesmas palavras e termos listados nos glossários vão poder ser tam-

Ver todos os capítulos
Medium 9788521628491

Lesson 6 - Descrevendo pessoas | Describing people

MARTINEZ, Ron Grupo Gen PDF

LESSON

$

Descrevendo as pessoas

Describing people

Nesta parte você vai aprender a descrever as pessoas fisicamente. É recomendado você consultar o

Apêndice 3 do livro Como dizer tudo em inglês para palavras específicas sobre cabelo e outros atributos físicos.

LISTEN AND REPEAT

(Faixa 13 no CD 1)

[Você/Ela/Ele] é (muito) bonito.

[Ele/Ela] é (meio) alto/a.

[Ele/Ela] é (um pouco) baixo/a.

Você/Ela é linda.

Você/Ela/Ele é uma gracinha.

Eu tento me cuidar.

Ele/Ela tenta se cuidar.

Ele/Ela está em boa forma.

Tem o cabelo na altura do ombro.

Está perdendo cabelo.

Ele é careca.

Ela é morena.

Ela é loira.

Ela é ruiva.

Tenho

Tem cabelos [enrolados].

Estou engordando.

Ele está um pouco acima do peso.

Ele tem engordado um pouco.

Sou meio gordinho.

Ele é ossudo.

Ela é meio gordo.

Sou magro.

Ele é elegante.

Ele perdeu (muito) peso.

Ver todos os capítulos
Medium 9788521633983

Aula 7 - Artigos (a, an, the) e plurais

DAVIES, Ben Parry Grupo Gen PDF

AUL A

7

Artigos (a, an, the) e plurais

  exercício 1.    Leia e escute exemplos dos artigos A e AN. Qual é a diferença entre eles? a hotel /ã routel/ an office /ãn of-is/ a dictionary /ã dikchãn(e)ri/ an identity card /ãn aidentiti kard/ an umbrella /ãn ambrelã/ an apple juice /ãn apãl djuus/

a computer /ã kãmpiutã/ a tree /ã trii/ an email /ãn imeiãl/ a store /ã stor/ a ticket /ã tikit/

UM ou UMA

A = antes de consoantes

An = antes de vogais

››

Não confunda o número um/uma (ONE) com o artigo um/uma (A/AN). O primeiro é usado apenas quando se está contando quantos(as). Compare, por exemplo:

Do you want a pizza? (Você quer uma pizza?) e

We have one pizza for 3 people.

(Temos uma pizza para 3 pessoas, ou seja, apenas uma, não duas, três etc.)

››

Algumas palavras começam com vogal, mas não têm o som de uma vogal, portanto devemos usar a, e não an: a university /iuniversiti/, a European /iurãpiãn/. Contudo, algumas palavras têm o som de vogal apesar de começar com consoante: an hour /ãn auã/, an honour /ãn hónã/.

Ver todos os capítulos
Medium 9788502156432

6 - SINTAXE DO PERÍODO SIMPLES

Silva, Carlos Henrique Dantas da Editora Saraiva PDF

CAP. 6 – SINTAXE DO PERÍODO SIMPLES

SUJEITO

PREDICADO

OBJETOS

PREDICATIVOS

AGENTE DA PASSIVA

COMPLEMENTO NOMINAL

ADJUNTOS

APOSTO

VOCATIVO

Vejamos também em grupos (como na conhecida Nomenclatura Gramatical Brasileira):

Termos essenciais da oração: a) sujeito (simples, composto, elíptico ou desinencial, indeterminado, oração sem sujeito); b) predicado (verbal, nominal, verbo-nominal);

*Predicação verbal (verbo intransitivo, transitivo indireto, transitivo direto, transitivo direto e indireto, verbo de ligação);

* Predicativo (do sujeito e do objeto).

Termos integrantes da oração: a) complementos verbais (objeto direto e objeto indireto); b) complemento nominal; c) agente da passiva.

Termos acessórios da oração: a) adjunto adnominal; b) adjunto adverbial; c) aposto.

*VOCATIVO (não recebeu numeração específica, pois os chamamentos, as invocações estão fora de sujeito e de predicado):

Fulano, sua carreira artística morreu.

Voc. -------- Sujeito --------- Verbo Intrans.

89

Coleção Concursos Públicos - Portugues - 015-156.indd 89

Ver todos os capítulos
Medium 9788521629115

Capítulo 4 - Verbos auxiliares

PETERLE, Patricia; SANTURBANO, Andrea Grupo Gen PDF

CAPÍTULO

4

Verbos auxiliares

Os verbos auxiliares são usados para formar os tempos compostos e a voz passiva. Em italiano são dois: essere (ser) e avere (ter).

4.1 ESSERE

O auxiliar essere é usado para formar:

>

>

>

>

>

>

os próprios tempos compostos do verbo essere:

Noi siamo stati.

(Nós fomos.) os tempos compostos da maior parte dos verbos intransitivos:

Noi siamo andati.

(Nós fomos.) a forma passiva de todos os verbos:

È rispettato da tutti.

(É respeitado por todos.) os tempos compostos dos verbos reflexivos:

C�eravamo tanto amati!

(Nós tínhamos nos amado muito!) os tempos compostos dos verbos pronominais:

Si è fatto male.

(Machucou-se.) os tempos compostos dos verbos impessoais:

Si è parlato molto di te.

(Falou-se muito de ti/você.)

14

VERBOS AUXILIARES

N

ATENÇÃO! O particípio passado dos verbos que pedem o auxiliar essere concorda em gênero e número com o sujeito da oração, com exceção dos verbos impessoais:

Ver todos os capítulos
Medium 9788521628491

Lesson 29 - Combinando um lugar | Deciding where to meet

MARTINEZ, Ron Grupo Gen PDF

LESSON

'

Combinando um lugar

Deciding where to meet

Depois de aceitar o convite para sair (Lição 28), é provável que se combine um lugar para a reunião. Isso envolve, normalmente, decidir onde e quando se encontrar. Lembre-se de que as horas em inglês se falam em termos de AM (manhã) e PM (tarde). Ou seja, quando você convida uma pessoa que fala inglês para um jantar às 18 horas, fale �six o�clock� e não �eighteen hours�.

LISTEN AND REPEAT

(Faixa 12 no CD 2)

Escute e repita as seguintes frases em inglês.

Onde a gente se encontra?

So where do we meet?

Que tal (seu hotel)?

How about [your hotel]?

Pode ser. A que horas?

Sure. What time?

Deixe-me ver...

Let�s see...

[8:30] está bom?

How about [8:30]?

Posso buscá-lo (no seu hotel).

I can pick you up (at your hotel).

Que horas posso buscar você?

What time can I pick you up?

Você gostaria de me encontrar (no meu escritório)? Would you like to meet me (at my office)?

Ver todos os capítulos
Medium 9788521628491

Lesson 15 - Arte e Entretenimento - Cinema | Arts and Entertainment - Film

MARTINEZ, Ron Grupo Gen PDF

LESSON

�#

Arte e Entretenimento � Cinema

Arts and Entertainment � Film

O cinema, e filmes em geral, fazem parte do cotidiano da maioria das pessoas. Não é surpreendente, portanto, que dar e pedir opiniões sobre filmes seja uma função linguística tão comum na conversação. Aqui você vai aprender a falar sobre filmes, dando as suas opiniões e perguntando sobre os gostos das outras pessoas. Nesta seção, vemos que o uso do present perfect (presente do perfeito) é natural. Como, quando se pergunta a uma pessoa se ela já viu algum filme e não se sabe se viu aquele filme nem quando viu, é necessário perguntar com

Have you...? Quando se estabelece que, de fato, a pessoa já viu o filme, então pode-se usar o past simple

(passado do pretérito) para referir-se especificamente àquela ocasião em que o filme foi visto pela pessoa, perguntando Did you...?, como mostrado nas expressões abaixo.

LISTEN AND REPEAT Escute e repita as seguintes frases em inglês.

Ver todos os capítulos
Medium 9788521628491

Lesson 48 - Conselhos | Advice

MARTINEZ, Ron Grupo Gen PDF

LESSON

"&

Conselhos

Advice

Uma das palavras mais úteis na hora de dar um conselho é o verbo would. Por exemplo, I would take the job

(�Eu aceitaria o trabalho�) em vez de Take the job (�Aceite o trabalho�). A palavra maybe é muito útil para amenizar um conselho. Por exemplo Maybe you can go to Salvador fica mais diplomático do que You can go to

Salvador.

LISTEN AND REPEAT

(Faixa 48 no CD 2)

Escute e repita as seguintes frases em inglês.

Dando um conselho

Por que você não...?

Talvez você deva / possa...

Você deveria...

É melhor (ir a...)

Você poderia...

Talvez seja uma boa ideia (ir...)

Se eu fosse você, eu...

Eu acho que você deve...

Bom, o que eu sempre faço é...

Você tem de fazer o que for melhor para você.

Só você pode decidir isso.

Ninguém pode decidir por você.

Recebendo um conselho

Talvez você tenha razão.

Talvez seja interessante isso.

Ver todos os capítulos

Carregar mais